Grandes navegações. Objetivos, fatores econômicos e guerras

Perguntas e respostas sobre grandes navegações e se elas também tinham objetivos religiosos? Quais outros motivos tinham os navegadores e quais foram as consequências ou o resultado de suas conquistas.

» Página Inicial

Podemos definir as Grandes Navegações como um grande empreendimento marítimo levado adiante por alguns Estados Europeus ao longo do século XV, XVI, e XVII. Empreendimento marítimo de navegação sobre o Oceano Atlântico e Oceano Índico.

É importante colocar que o pioneiro das grandes navegações foi Portugal, devido às condições encontradas neste país ibérico. As caravelas desenvolvidas por Portugal tinham melhor qualidade e a experiência em navegações, principalmente com a pesca de bacalhau ajudaram muito para o país se tornar o pioneiro das grandes navegações.

Grandes navegações

Quais foram os objetivos?

Apesar de definir como um grande empreendimento marítimo, temos que entender que as grandes navegações foram motivadas por diversos objetivos. Existem aqueles objetivos de ordem econômica. Buscavam os Estados Europeus novos mercados, pois precisavam comprar especiarias de comerciantes de Gênova ou Veneza e com o acesso mercados orientais, os italianos cobravam preços exorbitantes por isso buscavam novas rotas comerciais, novos produtos que pudessem ser comercializados. Estavam interessados, por exemplo, em descobrir uma nova rota para as índias.

Os fatores econômicos foram o único objetivo?

Não. Os fatores econômicos foram muito importantes para as Grandes Navegações mas, também existiam os fatores de ordem militar, de ordem política. Os Estados Europeus também estavam interessados em conquistar territórios e ampliar os domínios do rei, conquistar novos povos, levar a bandeira do reino a caminhos e a lugares até então desconhecidos.

As grandes navegações encerraram algumas guerras?

Sim. Elas também foram muito importantes para ocupar uma nobreza que, até então, estava ocupada na Europa por diversas guerras e, a partir mais ou menos do século XV algumas dessas guerras foram se encerrando como A Guerra de Reconquista, A Guerra dos 100 Anos, ou seja, há uma nobreza ligada as guerras que estava ociosa, então as Grandes Navegações também serviram para ocupar um pouco esta nobreza com os assuntos militares.

Elas também tinham objetivos religiosos?

Sim. Outro objetivo muito importante das Grandes Navegações eram os objetivos religiosos. Observava-se que ao longe já se viam nas embarcações europeias a cruz (grande símbolo do Cristianismo). Nas Grandes Navegações o objetivo religioso também foi fundamental. Buscavam estes estados expandir a fé cristã. Ao conquistar e dominar novos povos, esperavam os reis, pastores, padres e papas expandir a fé cristã conquistando novos fiéis para suas doutrinas.

Vale também ressaltar que naquela época a Igreja Católica era altamente influente entre os governantes.

Quais outros motivos tinham os navegadores?

Não podemos desprezar de forma alguma o desejo que tinham os navegadores de participar de uma grande aventura, descobrir novos lugares, navegar por mares antes nunca navegados, enfrentar os perigos dos mares. Muitos desses navegadores conheciam grandes histórias, grandes lendas, as poesias épicas. Então fazer parte de uma grande epopeia um grande feito e com isso garantir que o nome fosse guardado nos livros de história ou nos cantos dos poetas também foram uma forte motivação.

Entre os navegadores estavam padres, médicos, escrivães, cada qual com seus objetivos próprios, como os padres, por exemplo com o interesse na procura por novos fiéis e os escrivães para registrar cada detalhe da expedição.

Quais foram as consequências?

Elas tiveram grandes consequências, algumas as quais nós sentimos até os dias de hoje. Por exemplo: as Grandes navegações que aconteceram no século XV permitiram a primeira integração do globo. Através delas os comércios acabaram integrando várias partes do planeta. Também foram importantes porque permitiram a conquista de territórios, a conquista de regiões por países Europeus que iniciaram o processo de colonização em especial a colonização da América que foi importantíssima para a expansão capitalista e para o acúmulo de capital nos países Europeus. Outra grande consequência foi a migração forçada de populações inteiras, por exemplo, ao conquistarem a América introduziram no continente a escravização Africana.


 
Veja também: