O que são homônimos e parônimos, conceito e exemplos

Veja neste artigo a definição para homônimos e parônimos na língua portuguesa. Veja os conceito e exemplos de homógrafos, homófonos e homônimos perfeitos. Entenda as diferenças que podem ser bem sutis.

» Página Inicial » Português


Algumas palavras na Língua Portuguesa se parecem muito – como absolver e absorver – ou são exatamente iguais – como manga, da camisa, e manga, a fruta. Quando isso acontece, classificamos essas palavras são homônimas ou parônimas, dependendo do grau de similaridade.

homônimos e parônimos

Parônimos

Parônimas são as palavras que são parecidas em escrita e pronúncia, mas têm significados diferentes. Por exemplo, absorver e absolver:

A esponja absorve a água > a esponja suga

O homem foi absolvido de seus crimes > o homem foi perdoado

Outros exemplos de palavras parônimas são:

  • Aprender: Adquirir conhecimento
    Apreender: Pegar, tomar posse, assimilar
  • Arrear: Colocar arreio em cavalos
    Arriar: Descer, pousar, dobrar
  • Cavaleiro: Quem anda a cavalo
    Cavalheiro: Homem gentil, nobre, educado
  • Comprimento: Tamanho, extensão
    Cumprimento: Saudação
  • Deferir: Atender solicitação
    Diferir: Distinguir, fazer diferença
  • Descrição: Texto que descreve, explica
    Discrição: Reserva, prudência
  • Despensa: Onde se guarda mantimentos
    Dispensa: Dispensar, liberar
  • Emergir: Vir á tona
    Imergir: Mergulhar, afundar
  • Emigrante (emigrar): Aquele que deixou o país
    Imigrante (imigrar): Aquele que vive em outro país
  • Flagrante: Evidente, incontestável
    Fragrante: Perfumadi, cheiroso
  • Inflação: Alta dos preços na economia
    Infração: Violação de norma ou lei
  • Mandado: Ordem judicial
    Mandato: Procuração, incumbência
  • Peão: Domador de cavalos, trabalhador
    Pião: Brinquedo
  • Precedente: Que vem antes
    Procedente: Proveniente
  • Ratificar: Confirmar, assinar
    Retificar: Corrigir
  • Soar: Produzir som
    Suar: Transpirar
  • Tráfego: Trânsito
    Tráfico: Comércio ilegal

Homônimos

Enquanto as palavras parônimas tem alguma diferença, as palavras homônimas são iguais na pronúncia ou na grafia ou em ambos. Essas também tem significados diferentes. Dividem-se em três subcategorias: homógrafos, homófonos e homônimos perfeitos.

Homógrafos

São as palavras que têm a mesma grafia, mas a pronúncia é diferente. Como exemplo temos a palavra começo:

O começo do filme é bom > o início do filme

Eu começo essa rodada > eu dou início

Mais exemplos:

  • Almoço (substantivo): Refeição do meio-dia
    Almoço (verbo): Eu almoço aqui (indicativo presente)
  • Colher (substantivo): Utensílio de cozinha
    Colher (verbo): Retirar da árvore
  • Jogo (substantivo): Partida, brincadeira
    Jogo (verbo): Eu jogo futebol (indicativo presente)

Homófonos

São as palavras que a pronúncia é igual, mesmo que a grafia seja diferente. Por exemplo, acento e assento:

Todas as palavras proparoxítonas têm acento > sinal gráfico das vogais da Língua Portuguesa

No metrô, alguns assentos são reservados para idosos > lugares para sentar

Outros exemplos:

  • Acender: Atear fogo
    Ascender: Subir, erguer
  • Caçar: Pegar animais
    Cassar: Suspender direitos
  • Cela: Compartimentos da prisão
    Sela: Adereço para cavalgar
  • Cheque: Forma de pagamento
    Xeque: Movimento do xadrez
  • Conserto: Reparar
    Concerto: Seção musical
  • Paço: Palácio
    Passo: Movimento dos pés
  • Sexta: De sexta-feira, dia da semana
    Cesta: Recipiente
  • Tacha: Pequeno prego
    Taxa: Imposto

Homônimos perfeitos

São as palavras que têm a mesma grafia e a mesma pronúncia, mas tem significados distintos. O exemplo mais conhecido provavelmente é a palavra manga que traz dois significados completamente distintos, diferenciáveis pelo contexto:

Minha fruta favorita é manga

Está muito calor para usar camisa de manga longa

Outros exemplos:

  • Caminho
    Conjugação de caminhar: Eu caminho no parque todas as manhãs
    Lugar por onde se anda: Conheço um caminho mais rápido
  • Cedo
    Com antecedência, no começo do dia: Eu sempre saio cedo de casa
    Conjugação do verbo ceder: Sempre cedo meu lugar para idosos
  • Leve
    Com pouco peso: Sua bolsa está leve hoje
    Conjugação do verbo levar: Quero que você leve essa bolsa para mim
  • Morro
    Formação geográfica: A cidade fica no topo do morro
    Conjugação do verbo morrer: Morro de medo de baratas
  • Rio
    Curso de água: O rio atravessa três estados
    Conjugação do verbo rir: Eu sempre rio na hora errada


 

Veja também



© 2018   |   Matérias Escolares: Conteúdos para ensino fundamental e médio   |   Política de Privacidade