Preposição lista, exemplos, tipos e definição

Aqui iremos explorar sobre um campo da gramática que é bastante discutido: as preposições. Este é um assunto muito atual e sempre caí em vestibulares e provas importantes, sendo necessário a dedicação dos candidatos a essa matéria. Por isso tire um dia para aprender de fato o que é a preposição. Além disso, leia o […]

» Página Inicial » Português


Aqui iremos explorar sobre um campo da gramática que é bastante discutido: as preposições. Este é um assunto muito atual e sempre caí em vestibulares e provas importantes, sendo necessário a dedicação dos candidatos a essa matéria. Por isso tire um dia para aprender de fato o que é a preposição.

Além disso, leia o poste até final pois iremos dar dicas importantes sobre o uso além de listar os principais termos dentro das preposições, assim facilita o seu estudo e a identificação de quando a frase contém ou não preposições. Por isso leia atentamente e utilize o material como estudo, se for preciso.

O que é a preposição?

Lista de preposições

Todas as frases ou texto precisam ter uma coesão e coerência. Até mesmo em nossa fala é preciso que esses termos estejam presentes para que ocorra de fato a comunicação com o outro. Quando não temos a coerência naquilo que falamos ou coesão, pode ter a certeza que não iremos ser compreendidos pelos outros.

Para entender melhor segue as definições dos dois termos:

  • Coesão: este termo está relacionado a conexão que estabelecemos em uma oração, ou seja, a liga que se dá entre as palavras para formar uma frase, um texto ou uma fala. Normalmente associamos a coesão ao entendimento gramatical, isto porque, para que possamos ter coesão é necessário saber o mínimo de gramática.
  • Coerência: o sentido dado a um texto ou a uma fala. Se dissermos palavras sem sentido ou relação entre elas, dificilmente iremos conseguir transmitir nossas ideias. Para entender melhor veja o exemplo: O Pedro não gosta de jogar futebol e, portanto, vive chamando seus colegas para jogar (incoerência, porque Pedro não gosta de futebol, logo quem não gosta de esporte evita praticá-lo).

Pois bem, mas afinal, aonde entra a definição do que é preposição? Bom, como já foi afirmado acima, todos os textos precisam de uma coerência e de uma coesão, certo? Então para que ocorra o sentido em uma frase é necessário o uso da preposição, pois ela é uma espécie de conector dentro da frase.

Quando precisamos unir termos de uma frase ou até mesmo de uma fala precisamos utilizar das preposições para poder fazer essa liga dar certo.

Sendo assim, podemos dizer que as preposições são as palavras que tem como objetivo reunir os diferentes termos presentes em uma oração e promover um sentido para ela. Vale ressaltar que esses termos que a preposição irá conectar não precisam ser da mesma classe gramatical, podem ser de classes diversas.

Tipos de preposições

Saiba mais sobre os tipos de preposições que temos e veja alguns exemplos, para facilitar o aprendizado:

  • Complemento nominal – É o tipo de complemento que une duas palavras, as quais não são verbos. Normalmente costumam ser dois substantivos, ou um substantivo e um adjetivo, entre outros. Exemplo: Sigo corretamente o cardápio da dieta.
  • Complemento verbal – É o tipo de complemento que faz a junção do verbo a um outro termo, o qual pode ser um objeto direto ou indireto, um aposto, entre outros. Exemplo: Vou seguindo a dieta corretamente.
  • Orações reduzidas – São situações em que a preposição irá substituir os termos ou as palavras longas. Exemplo: Ao falar, seja direto, sem rodeios. (Quando for falar, seja direto, sem rodeios).
  • Locuções adverbiais – Situação em que a locução equivale a um advérbio. Exemplo: Tive que fazer com cautela.
  • Locuções adjetivas – Situação em que a locução é equivalente a um adjetivo. Exemplo: É um menino de muito valor.

As preposições por si só não possuem variações. Só encontramos modificações se acaso forem reunidas com outras palavras, geralmente um artigo. Quando ocorre a união entre uma preposição e um artigo teremos, então, a flexão de gênero e número. Porém, elas não sofrem alteração de tempo, modo, ou pessoa. Abaixo o exemplo de algumas preposições que foram juntadas com artigos:

  • de + o = do
  • de + a = da
  • em + a = na
  • em + o = no
  • em + um = num
  • A + a(s) = à(s)
  • Por + o = pelo(s)
  • Por + a = pela(s)

E mais, é importante ressaltar que nas preposições temos a classificação de dois termos o regente, que é o primeiro que aparece, e o segundo como regido.



 

Veja também



© 2018   |   Matérias Escolares: Conteúdos para ensino fundamental e médio   |   Política de Privacidade