Adjetivo relacional, relativo e restritivo

Veja neste artigo um estudo sobre os adjetivos, sua função na língua portuguesa para dar ou atribuir qualidade as coisas. Veja a classificação que existe entre eles, como o relacional, relativo e restritivo.

» Página Inicial

Os adjetivos são uma classe gramatical onde sua função principal é a de atribuir qualidades, relações ou propriedades de um nome, modificando-o. Existem muitos tipos de adjetivos, neste artigo serão tratados do Adjetivo Relacional, Relativo e Restritivo.

adjetivo relacional - língua portuguesa

Adjetivo Relacional

O adjetivo relacional é em geral denominal, ou seja, derivado de um nome (até mesmo de nomes próprios, como shakespeariano, por exemplo) e estabelece uma relação de origem, posse e etc. Os adjetivos relacionais podem ser também complementos do nome, ocorrem em posição pós-nominal, podem indicar região de origem ou nacionalidade, às vezes podem desempenhar papéis temáticos como experienciador, possuidor, tema e agente. São adjetivos que não possuem antônimos e não são graduáveis, às vezes possuem prefixos de valor numérico (ex.: poliglota, unicelular, monocromático) e pode ser parafraseado pelas palavras “relacionado com”.  Esses adjetivos não devem ocorrer em posição predicativa (ex.: “A revolta foi estudantil”).

Exemplos de frases com adjetivos relacionais:

Outros exemplos de adjetivos relacionais: similar, internacional, russas, espacial, leonino, capilar, juvenil, outonal, indiano, octogonal, e etc.

Adjetivo Relativo

Os adjetivos relativos estão relacionados com a flexão dos adjetivos, que pode ser de gênero (masculino e feminino), número (singular e plural) e grau (comparativo e superlativo).

No caso, os relativos estão dentro da flexão de grau dos adjetivos. Ou seja, no grau superlativo. Este grau indica a atribuição de uma característica que é intensificada ao máximo de sua intensidade com relação ao substantivo. O grau superlativo se divide em dois tipos: o absoluto e o relativo. Onde o tipo relativo se subdivide em: superioridade ou inferioridade e ocorre quando a qualidade de um indivíduo é intensificada ou diminuída em relação a um conjunto de indivíduos.

Exemplos de adjetivos superlativos relativos:

Adjetivos Restritivos

Os adjetivos apresentam valores diferentes devido à relação estabelecida com os nomes modificados. Dessa forma, se distingue adjetivos que tenham valores restritivos e valores não restritivos. Os adjetivos restritivos são aqueles que limitam e restringem o sentido do pronome ou do substantivo ao qual modificam, indicando uma qualidade que é adicionada ao indivíduo, qualidade esta que pode ser retirada do substantivo.

Quando o adjetivo ocorrer à direita do nome modificado terá valor restritivo, como no exemplo: “Ofereceu ajuda a uma senhorita alta, ruiva (...)”.  Agora, se o adjetivo ocorrer à esquerda do nome modificado, antes do nome, terá um valor não restritivo e apresentará qualidades que não são intrínsecas do nome, por exemplo: “Vi, sentada no divã lá em baixo, uma esplêndida mulher”. Esses adjetivos particularizam o significado do substantivo ao qual se referem. Ou seja, alguma qualidade que não é própria do indivíduo. Por exemplo: “homem baixo”, “céu alaranjado”, “fruta madura”, e etc.


 
Veja também: